Novembro Azul: a importância de esquecer o preconceito e se cuidar

08 / 11 / 19

8878-NovembroAzul-BlogFB-800x479

O Novembro Azul é um movimento mundial para reforçar a importância de prevenir e diagnosticar precocemente o câncer de próstata. Essa doença é o segundo tipo mais comum de câncer entre os homens brasileiros e, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), as maiores vítimas são homens a partir dos 65 anos.

A próstata é uma glândula masculina no formato de uma noz que fica logo abaixo da bexiga e à frente do reto (parte final do intestino grosso). O órgão é responsável por parte da produção do sêmen e envolve a porção inicial da uretra, tubo pelo qual a urina é eliminada.
Durante o funcionamento da próstata, algumas células podem se desenvolver e multiplicar de forma anormal, causando o surgimento de um tumor.
Agora que você já sabe o que é a próstata e o Novembro Azul, vamos te contar fatores de risco, sintomas e como prevenir o câncer.
Continue lendo!

Fatores de risco do câncer de próstata
Entre os fatores de risco para o câncer de próstata, segundo o INCA, estão:
– Idade, porque a incidência e a taxa de mortalidade aumentam significativamente após os 50 anos;
– Pai ou irmãos com câncer de próstata antes dos 60 anos, podendo refletir fatores genéticos (hereditários) ou hábitos alimentares e estilo de vida de risco de algumas famílias;
– Excesso de gordura corporal;
– Exposição a aminas aromáticas (comuns na indústria química, mecânica e de transformação de alumínio);
– Exposição a arsênio (usado como conservante de madeira e como agrotóxico);
– Exposição a produtos de petróleo, motor de escape de veículo, hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPA), fuligem e dioxinas.

Sinais e sintomas do câncer de próstata
O câncer de próstata apresenta nenhum ou poucos sintomas na sua fase inicial. Em alguns casos, os sinais são parecidos com os do crescimento benigno da próstata, como dificuldade em urinar ou urinar mais vezes durante o dia ou à noite.
Em sua fase mais avançada, é possível que o paciente sinta dores nos ossos, sintomas urinários ou, quando mais grave, infecção generalizada ou insuficiência renal.

Detecção precoce do câncer de próstata
Um dos principais pontos do Novembro Azul é divulgar a importância da detecção precoce do câncer para, assim, possibilitar uma melhor chance de tratamento.
O diagnóstico precoce pode ser realizado por meio de exames clínicos, laboratoriais ou radiológicos.
Essa detecção também pode acontecer em exames de rotina em pacientes que não apresentam nenhum sinal ou sintoma da doença.
Entretanto, se você tiver algum dos sintomas abaixo, é importante procurar um médico:
– Dificuldade de urinar
– Diminuição do jato de urina
– Necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite
– Sangue na urina
Na maior parte das vezes, esses sintomas não são causados por câncer, mas é importante que sejam investigados por um médico.

Diagnóstico do câncer de próstata
O câncer de próstata pode ser diagnosticado com a combinação de dois exames:
– Dosagem de PSA: exame de sangue que avalia a quantidade do antígeno prostático específico;
– Toque retal: o exame de toque permite ao médico perceber se há nódulos (caroços) ou tecidos endurecidos na próstata.
Segundo o INCA, nenhum dos dois exames tem 100% de precisão. Por isso podem ser necessários exames complementares.
O único procedimento capaz de confirmar o câncer é a biópsia, mas também podem ser pedidos outros exames, como tomografia computadorizada, ressonância magnética e cintilografia óssea.

Prevenção do câncer de próstata
Segundo o Hospital do Câncer de Barretos, alguns hábitos saudáveis podem ajudar na prevenção:
– Dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais e com menos gordura;
– Consumir tomate;
– Pelo menos 30 minutos diários de atividade física;
– Manter o peso adequado à altura;
– Diminuir o consumo de álcool;
– Não fumar;
– Homens a partir dos 40 anos devem realizar exames de rotina;
– Quem tem histórico familiar da doença deve avisar o médico, que indicará os exames necessários.

Atenção: Todas as informações do texto foram retiradas do site do Instituto Nacional do Câncer (INCA) e do Hospital do Câncer de Barretos, e não substituem o diagnóstico de um médico.
A Mercedes-Benz apoia o Novembro Azul e deseja que você, caminhoneiro, cuide da sua saúde e saiba que o melhor tratamento é a prevenção.

Tags:

Deixe uma resposta