Mercedes-Benz ultrapassa a marca de 200 mil condutores capacitados no Brasil

06 / 12 / 12

Neste ano de 2012 a Mercedes-Benz completou 30 anos de formação e especialização de motoristas de caminhões e ônibus. Desde 1982, mais de 200 mil profissionais já passaram pelo Centro de Treinamento da marca.

A intenção das atividades realizadas é fazer com que o os condutores aproveitem todo o potencial oferecido pelos veículos Mercedes e também dirijam com mais segurança nas estradas.

O curso destinado para os condutores chama-se Técnicas de Operação e tem duração de 8 horas (módulo básico) e 16 horas (módulo avançado). Os resultados apresentados após o curso apontam uma melhora de até 25% em termos de autonomia, o que significa mais quilômetros por litro. No quesito tempo de percurso, há uma melhora de até 20%. A capacitação dos profissionais também gera diminuição nos custos de manutenção, visto que os condutores que passaram pelo curso executam 56% menos de troca de marchas, o que gera menos esforço do motorista e maior durabilidade dos componentes de câmbio.

Outra preocupação durante as aulas é passar para os profissionais a importância de uma direção mais econômica e ecológica, com menos emissão de poluentes na atmosfera.

Clientes frotistas também são atendidos pela Mercedes-Benz através do curso de Formação de Monitores, que tem duração de cinco dias e aprofunda temas técnicos como motor, câmbio, embreagem, eixos e transmissão. Saiba mais sobre os cursos e treinamento prestados pela Mercedes-Benz aqui.

Tags:

6 Comentários:

  1. Jean Carlos disse:

    Eu trabalho como mecanico Socorrista CNH AE e estou querendo me especializar, não tenho muita experiência. sera q vcs poderiam me ajudar? tipo quais cursos q poderia fazer basico e depois outros mais específico?
    ficaria muito grato se vocês da mercedes pode-se me ajudar.

    • Mercedes-Benz disse:

      Oi, Jean. Para obter informações sobre os cursos e treinamentos disponíveis, você pode consultar a concessionária de sua região. Nossos consultores irão lhe auxiliar com todos os detalhes sobre a inscrição e também os cursos disponíveis. Abraços!

  2. Gean de Oliveira disse:

    O que quis dizer em relação a identificação do chassi é que alguns modelos de chassi emitem sons que outros não emitem. É como gato e cachorro, um mia e outro late. Um Mercedes-Benz faz sons bem diferentes dos Volkswagen. E um OF-1722M faz sons diferentes de um OF-1724. Claro que chega uma hora que chassis diferentes fazem sons tão semelhantes que só mesmo vendo a especificação.

    Aqui em Belo Horizonte temos várias “gerações” do OF-1722M, com numerações em torno de 10000. Os veículos mais novos, em torno do 10363 a 10467, fazem uns sons “legais” que os antigos não fazem.
    Um som dos mais novos sempre me chamou atenção : quando o veículo está parando ou em velocidade muito baixa um barulhinho de gás, sistema pneumático, uniformemente variado de um ou dois segundos começa a soar. Sempre que o veículo está parando. Nunca sou porque. Só sei que é um barulho que o ônibus faz por si só, independente do que o motorista fizer.

    Quero pedir desculpas por essas minhas dúvidas, não sei como vocês as recebem.
    Também queria parabenizar a MB por ser maioria no sistema BHTrans.
    O trânsito pode ser um problema, os ônibus não.

    Obrigado. Abraço.

    • Mercedes-Benz disse:

      Olá Gean! Os ônibus Mercedes-Benz são encarroçados de acordo com as
      características solicitadas pelo cliente. Assim, um determinado veículo
      pode possuir a motorização diferente e diversos equipamentos que não estão
      disponíveis em todos os modelos. Por isso, os sons emitidos podem variar de
      acordo com o tipo de terreno, aplicação e carroceria do veículo. Esperamos
      ter esclarecido sua dúvida. Abraços.

  3. Gean de Oliveira disse:

    Boa Noite Equipe Mercedes-Benz,

    Realmente isto se faz necessário.
    Aqui em Belo Horizonte, onde há ampla utilização do OF-1722M no transporte urbano de passageiros, posso observar diferentes tipos de condutores. Todos dirigem bem, mas alguns se sobressaem conseguindo “espremer” melhor todo o potencial do veículo. Maior autonomia, potência e segurança.

    Falando em ônibus, tenho uma dúvida.
    O sistema pneumático é em parte consebido pela Mercedes-Benz e outra pela empresa fabricante da carroceria.
    Os sons emitidos são uma característica do chassi ou da carroceria ou varia de acordo com os dois ?
    Tenho essa dúvida pois isso auxilia na identificação do modelo do chassi, já que identificar a carroceria é muito simples.

    Obrigado,
    Até a próxima.

    • Mercedes-Benz disse:

      Olá Gean! Os sons podem ser características tanto dos componentes do chassi, quanto da carroceria do veículo, pois a Mercedes-Benz instalada a parte pneumática do chass, como freios e embreagem; e a encarroçadora instala as portas e outros equipamentos operacionais.
      Quanto à identificação do chassi para ônibus, é um pouco mais complexa, pois necessita conhecimento das numerações contidas no chassi do veículo.

Deixe uma resposta

    Nós utilizamos cookies

    Queremos melhorar sua experiência de navegação em nosso site. Ao continuar a utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

    Para mais informações, por favor veja nossa Declaração de Privacidade.

    OK