Mercedes-Benz fornece mais de 1,5 mil Atego para as Forças Armadas Brasileiras – Blog do Caminhão Mercedes-Benz

Blog do Caminhão

Nossos Caminhões

Mercedes-Benz fornece mais de 1,5 mil Atego para as Forças Armadas Brasileiras

Modelo Atego é reconhecido pelas autoridades militares por sua força e resistência.

O Exército Brasileiro adquiriu 1.567 caminhões Mercedes-Benz Atego 1725 4×4 para serem usados em operações especiais fora de estrada. Outras 110 unidades do mesmo modelo foram compradas pela Marinha, enquanto outros 25 Atego 1726 4×4 foram comprados pela Aeronáutica.

Esta grande compra reafirma a posição da empresa como uma das mais tradicionais fornecedoras de veículos comerciais para o governo brasileiro.

Os modelos Atego são reconhecidos pelas autoridades militares por sua força, robustez e resistência. Muito antes de enfrentar os desafios fora de estrada, o Atego, como todo caminhão Mercedes-Benz, passa por um rigoroso programa de testes em bancos de provas e também em pistas confinadas que simulam duros obstáculos.

Entre os diversos testes e ensaios, o modelo participa do Rally dos Sertões, que serve como um laboratório a céu aberto. Na competição, o caminhão já soma seis vitórias.

É o rigor nos testes que assegura a robustez e a resistência do Atego, um caminhão Mercedes-Benz produzido para as severas aplicações rodoviárias e fora de estrada.

43 Comentários:

  1. Boa tarde. Eu forneço para o exercito Brasileiro toldos em lona vinílica dupla trama com proteção UVa eUVb totalmente de acordo com o CATMAT. Temos toldos para todos os veículos oficiais do EB. Se precisarem de fornecedores de toldos estamos à disposição.

    • Boa tarde, pessoal do Costa Kuhn Toldos. Obrigado pelo interesse! Seus dados foram salvos em nosso banco de dados e, havendo interesse, entraremos em contato. Abraço!

  2. Trabalho em um quartel de Fuzileiros Navais, estamos tendo dificuldades para comprar o toldo de vinil flexível. Gostaria de saber o contato de algum fornecedor… Obrigado

    • Oi, Perivaldo! Como a venda de peças e acessórios é feita somente pela rede de concessionárias, sugerimos consultar diretamente uma autorizada para informações sobre a disponibilidade do item desejado. Os contatos estão disponíveis no link http://scup.it/ia3f. Continue nos acompanhando, abraços!

  3. Vi alguns desses caminhões na AMAN, em Resende, é um 4×4 de respeito, comprei um caminhão engesa EE-15 no leilão do Exercito ano 1979 o motor e câmbio são Mercedes- Bens e ainda estão funcionando muito bem ….. pra ver a qualidade dos componentes da Mercedes- Bens … são mais de 35 anos em funcionamento

    • Oi, Romildo! Valeu pelo comentário e seja bem-vindo à Marca =) Você já conhece a nossa fanpage dedicada a caminhões no Facebook? Acesse http://bit.ly/FCaminhoes para conhecer mais novidades. Continue nos acompanhando para ficar por dentro das nossas notícias. Abraços!

  4. Bom dia gostaria de saber como foi acertado a garantia dessas viaturas que o exército adquiriu e se inclui troca de óleo e mão de obra gratuita até quantos KM ou tempo?

    • Olá, Otávio. O período de garantia de caminhões varia de 12 a 24 meses sem limite de quilometragem, dependendo do modelo. Você pode consultar o termo completo de garantia dos caminhões Mercedes-Benz no link http://bit.ly/1JO5s1r. Quanto ao plano de manutenção, esclarecemos que está uma informação restrita entre a fábrica e o cliente e não é possível a sua divulgação. Abraços e continue nos acompanhando.

    • Olá, Luiz. Como a venda de nossos veículos é feita somente pela rede de concessionárias, cada uma delas pode ter um estoque diferente de veículos disponíveis e, em alguns casos, pode haver a necessidade de encomendar o caminhão da sua preferência. Neste caso, sugerimos que você consulte entre as concessionárias de sua preferência qual delas tem o modelo disponível em estoque ou quais os prazos para entrega se precisar encomendar. A lista completa de concessionárias está disponível em nosso site, no link http://bit.ly/LKwhrT. Abraços e continue nos acompanhando.

  5. Bom tarde, poderia mandar a relação das peças e referências do MBB Atego1725 4×4 que o Exército adquiriu . Tenho 20 viaturas na minha garagem preciso das referências Obrigado

    • Olá, Fernando! O catálogo de peças dos nossos veículos é fornecido apenas para as nossas autorizadas. Caso tenha dúvidas quanto às peças e itens de manutenção para a sua frota de caminhões, sugerimos que verifique mais informações com o credenciado de sua região. Os contatos completos de nossa rede estão disponíveis através do link http://mercedes-benz.com.br/concessionarios. Abraços!

  6. Há um relaxamento das normas de emissões para as viaturas militares, justamente em função da maior complexidade logística que seria inerente ao suprimento do Arla-32 em campo de batalha e também para que variações na especificação do combustível disponibilizado numa determinada região não se tornem um empecilho para a operação do veículo, mais notadamente o teor de enxofre que é particularmente crítico em motores equipados com EGR. Tanto que outro fornecedor ainda está atendendo ao Exército com modelos Euro-2 equipados com motor de gerenciamento 100% mecânico ao invés do eletrônico adotado pela Mercedes-Benz.

    • Valeu pelo comentário, Daniel. Se tiver qualquer dúvida ou precisar de alguma informação sobre nossos veículos, estamos sempre por aqui, ok! Abraços!

  7. Gostaria de saber quais são os óleos e lubrificantes que vão neste caminhão:
    Exemplos:
    Óleo de motor
    Óleo de caixa
    Óleo do diferencial
    Óleo de freio e outros

  8. so uma duvida em caso de emergência esses caminhões oficiais do exercito der qualquer tipo de defeito no sistema SCR e vier por ventura ocorrer a perca de potencia do motor por falta da arla 32 ou outro motivo,
    ,como fica essa situação??????

    • Olá, Leandro. A rede de postos de combustível que abastece veículos com S10 normalmente também oferece Arla32 para venda, e como o Arla não é inflamável, pode ser estocado e transportado, evitando esses inconvenientes. Mas se ainda assim houver alguma situação de pane no veículo, nossa rede de concessionárias está a postos para atender e reparar os veículos pra que retomem suas atividades o quanto antes, sejam veículo militares ou não. Abraços!

  9. Bom dia sou Borges e preciso saber quais os suprimentos de peças que apresentam mais defeitos no ATEGO 1418 eletrônico 2012,modelo comercial vendido para o EB que devemos ter para as viaturas do Exército? Para atender a frota desses caminhões no total de 15 em minha Unidade, levando em conta as revisões por ano?

    • Olá, Alexandre! Muito interessante sua pergunta, porém, não dispomos de uma
      informação exata quanto a ocorrências apresentadas em nossas peças.
      Esclarecemos que quando bem observadas às condições de uso, aplicação
      correta do produto, manutenção e dirigibilidade, todas as peças podem
      apresentar vida útil por quilometragens altamente avançadas. Aqui
      destacamos o cuidado de se obedecer aos prazos de manutenção previstos no
      manual e também o uso de peças genuínas e mão de obra especializada, bem
      como a boa qualidade de combustível. Referente às revisões, informamos que
      os períodos de manutenção de nossos veículos, assim como a tolerância para
      a realização, variam de acordo com uma série de fatores, como: tipo de
      veículo, grupo de aplicação (rodoviário, severo e misto) e formas de
      condução do motorista. Havendo dúvidas sobre os períodos de revisão de seu
      veículo, por favor, contate um de nossos concessionários para estabelecer o
      plano de manutenção, de acordo com o modelo e tipo de aplicação. Acesse o
      link http://bit.ly/JzZa4P e encontre uma autorizada da Marca mais próxima
      de você! Abraços.

  10. Gostaria de saber se é verdade que os caminhões na europa já estão com uma nova tecnologia e não estão mais utilizando o Arla e isto está vindo para o Brasil???

    • Olá, Guilherme! Bacana sua dúvida! Não dispomos de informações oficiais
      quanto ao referido assunto. Nossa tecnologia exclusiva BlueTec 5 é um
      sinônimo de economia e conforto. Continue nos acompanhamento para receber
      as informações em primeira mão. Abraços.

    • Olá Josivaldo! A legislação PROCONVE P7 exige novas tecnologias para caminhões e ônibus, e proteção ambiental é parte integrante da política da Mercedes-Benz. Por isso, usamos dois tipos de tecnologia para redução de poluentes: A EGR, que utiliza a recirculação dos gases do escapamento, usada em nossa Linha Sprinter, e também a SCR, onde o Arla 32 é pulverizado no catalisador e reage com o gás do escapamento, neutralizando a geração de NOx, diminuindo a emissão poluentes. O SCR é encontrado em caminhões e ônibus. Abraços!

  11. É como já disse aqui no blog :
    ” Trabalho bem feito é reconhecido ”

    Digo isso porque todas a montadoras tentam fazer o seu melhor.
    Se a Mercedes-Benz continua onde está é porque a eficiência de seus produtos é realmente muito alta.
    Ou seja, vale a pena investir em um Mercedes. E isso todos sabem sem dúvida algumas.

    Abraço. Até a próxima.

  12. bom dia sou soldado do exercito e trabalho como motorista e a mercedes e um otimo caminhao semdo que nos temos alguns merdes antigos em um otimo estado e sau muitos bom para todos os tipos de estradas tenha um bom dia

    • Olá Vinicius! Ficamos orgulhosos com seu comentário em nosso Blog. Isso mostra que estamos alcançando nossos principais objetivos, que são oferecer os melhores produtos do mercado e garantir a satisfação de nossos clientes. Abraço.

    • Olá Givonildo! Nossos veículos são reconhecidos mundialmente pela qualidade, resistência e , entre outros fatores, pela alta tecnologia aplicada, que os levam a ter o melhor valor de revenda do mercado. A linha Atego oferece força, flexibilidade e muita produtividade, seja na cidade, estrada ou no campo. Para conferir as oportunidades de negociação, por gentileza, visite uma das revendas credenciadas. O link http://bit.ly/JzZa4P oferece acesso aos contatos. Abraço.

Deixe uma resposta

Nós utilizamos cookies

Queremos melhorar sua experiência de navegação em nosso site. Ao continuar a utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Para mais informações, por favor veja nossa Declaração de Privacidade.

OK