Cabina teto alto garante conforto ao motorista e rentabilidade aos clientes

23 / 02 / 11

O conforto da cabina é item essencial para quem viaja longas distâncias, como o motorista autônomo Adalberto Alves Nunes, da cidade de Urânia, no interior de São Paulo, que adquiriu recentemente um Atego 2425 teto alto junto ao concessionário Rodobens Cirasa, em Fernandópolis (SP). O motorista transporta madeira e frutas para Rondônia e Acre e está muito satisfeito com o Atego: “É um caminhão leve, econômico e confortável, muito bom mesmo”.

Quem apresentou o Atego a Adalberto foi o consultor de negócios Eder Junior Lizieri. Os dois foram até São José do Rio Preto (SP) para ver de perto o conforto e a segurança da cabina: “Mostrei todos os detalhes, o volante reclinável, o painel envolvente e o tamanho da cama”, contou Éder. Além do conforto, também foram decisivos para a escolha do veículo o peso do caminhão, sua capacidade de carga e a rápida aprovação pelo Banco Mercedes-Benz.

Os caminhões da linha Atego podem receber três tipos de cabina. Uma delas é a leito, nas versões teto alto e teto baixo, ideal para viagens de longas distâncias. Ela possui dois ambientes distintos: o de trabalho e o de descanso. O primeiro preserva sua funcionalidade, assegurando espaço e acesso fácil aos instrumentos do veículo. O leito possui uma cama de 1,95 m por 0,65 m e painel de controle das luzes e do rádio, além de espaço para guardar os objetos pessoais.

Tags:

Deixe uma resposta

    Nós utilizamos cookies

    Queremos melhorar sua experiência de navegação em nosso site. Ao continuar a utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

    Para mais informações, por favor veja nossa Declaração de Privacidade.

    OK